domingo, 5 de julho de 2009

O que fazer?


O que fazer quando dói o coração e as lágrimas não podem ser contidas?

E quando a alma é tomada pelo sofrimento e o amor agoniza clamando desesperadamante para ser correspondido?

O que fazer quando o mais nobre dos sentimentos se afoga num mar de tristeza?

E repentinamente o mais belo dia de uma primavera, se torna a mais escura e fria noite de inverno?

O que fazer quando sentimos que uma espada atravessou o coração?

O que fazer com essa dor?

E esse amor?

O que fazer quando não há mais nada a fazer?

O que fazer?

8 comentários:

  1. Simplesmente digno de Aplausos!

    Viva os romanticos....rsrs

    ResponderExcluir
  2. meu caro amigo, simplesmente não há o que fazer!

    E agora, o que eu vou fazer?
    Se os seus lábios ainda estão molhando os lábios meus?
    E as lágrimas não secaram com o sol que fez?

    E agora como posso te esquecer?
    Se o seu cheiro ainda está no travesseiro?
    E o seu cabelo está enrolado no meu peito?

    Espero que o tempo passe
    Espero que a semana acabe
    Pra que eu possa te ver de novo...


    é.. NO COMENTS!

    ResponderExcluir
  3. Nem tudo o que parece é.
    Quando o mundo virar as costas pra ti, dê-lhe um tapa na bunda.
    Lamentos não causam soluções, e sim problemas.

    Para viver eternos dias de primavera, você não pode chorar pelo o que NÃO tem. Mas aproveitar o que JÁ tem!!

    "como dito em uma das postagens de nosso amigo Vinícius: Pena que pens[ava] que fosse pouco"

    .. e tenho certeza que nenhum de seus amigos gosta de ver você assim!

    - conhece o poema: "O Menestrel - Shakespeare" ?
    dá uma lida, acredito que irá gostar.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  4. Que liindo ...
    Vc coloca o sentimento nas palavras, *.*

    ResponderExcluir
  5. http://bem-ditas.blogspot.com/

    Neutrôn.
    vê o que acha do meu cantinho de poesia, crítica, ação e mentiras.. huahuhua..

    quiser sugerir, também é válido.

    Beijocomentme.

    ResponderExcluir
  6. quem é que sabe o que fazer?


    se conseguir isto, me ensine!

    Beijos



    visite: www.asombradomar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. "Quando o amor machucar demais, só existe um caminho... chorar baixinho quando a saudade bater de mansinho. Passando assim o tempo, entre meio a dor e tempo, e o vento que de tempo em tempo passa com a saudade sobre a ferida ainda doída.
    O tempo... ah o tempo...
    Quando o que parecia não mais curar
    Quando o que parecia não mais passar
    Quando o que parecia não mais brilhar
    O tempo se incumbe de ajudar a curar
    A cicatrizar
    A amenizar
    A alegrar
    Então voltaram as Estações...
    A Primavera chegou
    O coração com as marcas ficou
    Mas pronto para um novo amor e a ariscar-se para uma nova dor".

    Paty Martins

    ResponderExcluir
  8. Qee lindo poema, qe linda resposta Paty .

    Há solução, o tempo é o melhor remédio bjokas {Jeny

    ResponderExcluir